segunda-feira, 16 de abril de 2018

Zangbetos



Culto Ègúngún é uma prática milenar do povo yorùbá da região de Togo, Benin e Nigéria. Zangbeto é um espírito ancestral que saiu do mar mascarado, coberto com folhas da palmeira Rafi dançava durante a Lua Cheia demonstrando o seu poder sobrenatural. Sua roupagem tinha formato de cônico com muito colorido dançava para assustar e espantar todo o mal do povoado¹.
Zangbeto, o vigilante noturno vai para céu e não retornou mais. O líder ancião Zangan criou uma figura mascarado com roupagem de palmeira Rafi, chifre e com muito colorido começou a tocar o tambor evocando e invocando a presença do espírito ancestral Zangbeto. De repente o povo entra em transe e os Zangbetos manifestam. A partir daquele dia o líder ancião incorporou tal festividade e entretimento num culto religioso.


O Zangbeto está dividido em três categorias:

1- Zanholu, espírito maior que emergiu do mar é líder dos Zangbetos manifesta em ocasião especial;

2- Ataho, espírito ancestral popular, manifesta nas festividades menores da comunidade. Dança com fogo a fim de iluminar os outros Zangbetos menores;

3- Oho yin-yin Ataho, espírito menor do vigor e da juventude vem dançando de forma mais ágeis e acrobáticas.

Os líderes Kogan são responsáveis pela supervisão das cerimônias e Kregbeto, o espírito diurno guiam as multidões durante a apresentação.
Os Zangbetos exercem o controle social vigiando o dia e a noite. Eles apresentam nos festivais públicos e combatem qualquer tipo de violência.
O ilusionismo faz parte da festa e do entretimento. A apresentação é espetacular e encantadora.
_____________

1- As cores representam aspectos da vida como a fertilidade, vitalidade, dor, sacrifício, morte, maturidade, entre outros.

Autora: Rainna Tammy

terça-feira, 6 de março de 2018

Os indígenas africanos











Organização: Rainna Tammy

______________

Be a Guest of the Dani - Celebration of Pig: https://youtu.be/ude-NndDHv0


Índios africanos: https://youtu.be/LXrhiU2OwtQ

Maturidade à caminho – Documentário: https://youtu.be/pam7kCu1xsU

Leni Riefenstahl. Ein Traum fon Afrika (The dream of Africa) Vol. 1: https://youtu.be/MJdIM2rU_5

Leni Riefenstahl. Ein Traum fon Afrika (The dream of Africa) Vol. 2: https://youtu.be/v2qndClHz4Q

Odisseia Tribal: Povo Dinka - Povos Africanos (Legendado PT): https://youtu.be/ewZYIn3_r-o

Odisseia Tribal: a noiva himba: https://youtu.be/enfawwOkrn4

Viajando aos Extremos - Etiópia: Vale do Rio Omo: https://youtu.be/d7szvAEZO-Y







quinta-feira, 22 de fevereiro de 2018

Evolução humana: crianças prodígios



Desde início da humanidade diversos espíritos reencarnaram e vieram para o Planeta Terra como crianças índigos e cristais com objetivo de orientar a humanidade a trilhar no caminho da evolução física e espiritual.
As crianças índigos e cristais receberam títulos de deuses, santos, anjos, mestres de Luz, guardiões celestiais, magos, espíritos amigos, bons mentores e, ocuparam e continuam ocupando cargos de destaque na sociedade.
Esses espíritos conhecidos como Cristais vieram de diversas galáxias e estão presentes nos seguintes continentes: Continente Africano, Continente Asiático, Continente da América, Continente Europeu, Continente da Oceania e Continente Antártida, o Continente do futuro, terra fértil e superpopuloso.
Eles continuam reencarnando no Planeta Terra em grande quantidade, pois o Planeta Terra irá ser governado por pessoas com vibração de cristal. É por isso que os cristãos acreditam que Jesus voltará, governará o mundo e transformará num Paraíso (1 Tessalonicenses 5.5, 16 - 23).
Por mais de 5.000.00 a.C, a presença desses espíritos vem surpreendido a humanidade, hoje diversos psiquiatras, psicólogos, antropólogos, historiadores, filósofos estão pesquisando pessoas consideradas índigos e cristais.
Os Espíritos índigos como Rolihlahla Dalibhunga Mandela (Nelson Mandela), Herbert de Souza (o Betinho), Valdemiro Santiago (o apóstolo), eu sou índigo humanista e, há outros espíritos índigos anônimos que estão contribuindo para um mundo melhor. 
Talvez você pergunte, mas o apóstolo da Igreja Mundial? Eu vou dizer para você, independente da religião ele também é um espírito índigo que veio transformar o mundo. A humanidade precisa de Luz no caminho para ser guiada e encontrar a verdadeira felicidade, paz, Amor e alegria.
A partir do momento que o indivíduo adquire estas virtudes gozará das bênçãos plenas.
A contribuição social do apóstolo Valdemiro Santiago tem sido benéfica e gratificante para o mundo. Mas, o apóstolo Valdemiro e outras pessoas portadoras de dons extraordinárias devem ter cautela para não entrarem no mundo da ganância, da ilusão e não acumular tesouro na Terra. Prosperar, ter riquezas pessoal e financeira de forma lícida é muito bom, mas não pode ser a única razão de sua vida. O indivíduo precisa ter consciência de sua incumbência para não cair no precipício. 
A felicidade plena não está na riqueza financeira, está na ação generosa, no ato de amar e ajudar o próximo. Esses espíritos começaram a aparecer em maior número e frequência a partir do ano de 1999, mas foi na década de 70 que os pesquisadores começaram a investigar com profundidade os diferentes tipos de comportamento humano e identificando-o.
Os espíritos que reencarnam na Terra com a vibração índigo pode tornar um cristal de acordo com a sua experiência periférica e a sua evolução consciencial no decorrerem da sua vida transitória.
A bondade do Uno é perfeita, justo para com todos. Tudo se transforma e tudo é aproveitável, mesmo no momento mais difícil da vida.
Às vezes é no deserto é que conseguimos conquistar o nosso tesouro espiritual e levantar a nossa bandeira da paz.
Durante a trajetória da nossa vida deparamos com diversos obstáculos, curvas perigosas, tempestades, lamaçal, abismo, escuridão, calor e frio quase insuportável, mas através dessas adversidades é que aprendemos, adquirimos coragem, força, evoluímos e alcançamos a nossa vitória. Todas as pessoas têm uma capacidade individual, inata ou adquirida, de lutar. Lutar é preciso, até mesmo para descobrir as próprias forças e os próprios limites. Ninguém está isenta das adversidades.
Portanto, acredite no seu potencial, creia no Uno, determine, lute sem cessar que alcançará a sua vitória, pois as benções virão sem limites para você e para a sua família.
A evolução é um processo de atingir a maturidade, a habilidade, o conhecimento, a atitude e ter uma visão mais objetiva.
Cada etapa evolutiva é uma conquista para o progresso. Devemos fazer uma auta avaliação da nossa aprendizagem, aprimorar e inovar sempre que for necessário.
A aura de uma pessoa índigo é azul-índigo, lilás e a aura de uma pessoa cristal é branco leitoso e amarelo ouro nas bordas. É um brilho que surpreende quaisquer olhos.
Esses espíritos continuam reencarnando com objetivo de transformar a humanidade, harmonizar, trazer paz e despertar a consciência para um mundo real.
Mas quem são essas crianças? Como identificar um indivíduo que tem vibração índigo ou cristal? Quais são as características?
Uma Criança Índigo contém um conjunto de atributos psicológicos e mostra um padrão de comportamento geralmente não reconhecido pela ciência, mas diversos pesquisadores vêm analisando tais comportamentos. Este padrão tem fatores comuns e únicos que sugerem que aqueles que interagem com elas (pais em particular) mudam seu tratamento e orientação com objetivo de obter o equilíbrio. Ignorar esses novos padrões é potencialmente criar desequilíbrio e frustração na mente desta preciosa nova vida.
Existem vários tipos de vibrações Índigos, mas na lista a seguir nós podemos dar alguns dos padrões de comportamento mais comuns:
Elas vêm ao mundo com um sentimento de realeza, são líderes nato, portadoras de grande energia, sensíveis, intuitivas, críticas, curiosas, inovadoras, pesquisadores, otimistas, determinadas, justas, leais aos seus amigos, corajosas, costumam fazer várias coisas ao mesmo tempo, não conseguem ficar quietas ou sentadas a menos que estejam envolvidas com alguma coisa que seja do seu interesse.
O indivíduo índigo tem uma inteligência bem acima da média. Quando adulto, torna-se muito seletivo em seus relacionamentos. Na medida em que vai ficando mais experiente, vai ficando cada vez mais difícil explicar sua singularidade, e escolhe amigos e companheiros que o aceitam como é.
As crianças índigos foram catalogadas como portadoras de Transtorno do Deficit de Atenção e Hiperatividade. O tratamento dessas crianças consideradas hiperativas eram feitas através de dosagem alta de drogas para sedar a sua imensa potencialidade.
Os pais, os profissionais da educação não estão sabendo lidar com tal situação e a medicina tem feito diagnóstico equivocado.
A pesquisa sobre tal tipo de comportamento humano tem feito com que os profissionais da área da medicina reavaliam e aperfeiçoa o seu conhecimento dia a dia.
Uns dos recursos usados na sociedade é o castigo como forma de educar uma criança índigo, mas o resultado tem sido desastroso e sem eficácia.
Os procedimentos de punição merecem cuidados e ser avaliados antes de serem empregados.
Se, porém, a punição for inevitável deve, então, ser empregada da forma mais branda possível. Deve atender a todas as especificações que as pesquisas mostraram que são essenciais para torná-la mais eficiente. Deve, ainda, produzir o menor sofrimento possível.
Os procedimentos para fazer com que uma punição seja, dentro do possível, branda, eficiente, justa e construtiva:

Procedimento firme e correto

Por exemplo, a remoção dos privilégios e condições gratificantes, contingente a determinado comportamento, deve ser temporária e a condição removida deve voltar a estar disponível o mais brevemente possível. A aplicação do procedimento deve ser firme: faça o que se propôs a fazer, isto é, retire a atenção, desligue a televisão, conduza a criança para o local em que ela fará o “momento de reflexão” etc.

Procedimento errado

Não introduza, porém, componentes desnecessários, tais como gritos, pancadas, beliscões, puxões de orelha (procedimentos da punição positiva), pois estes produzem reações emocionais, sofrimento ainda mais intenso e desviam a atenção da criança dos focos mais importantes que são: observar seu próprio comportamento inadequado e as consequências (aversivas, sim, mas amenas) que ele produziu. O foco da atenção se volta para o comportamento (agressivo) dos pais e para a emissão de comportamentos de fuga-esquiva, que podem e precisam ser emitidos imediatamente. Ou seja, a criança aprende melhor a fugir e a se esquivar das consequências aversivas intensas do que substituir o padrão comportamental inadequado, que, originalmente, iniciou o episódio, por padrões mais adequados.
Punir não deveria envolver constrangimentos e dor desnecessária. Os pais deveriam estar ensinando, até mesmo quando punem. Não se justifica que os pais acrescentem quaisquer outros comportamentos, além daqueles que compõem o procedimento básico de punição negativa funcionalmente eficiente. Os pais devem atuar sob controle do comportamento inadequado do filho, não sob controle de suas preocupações, frustrações etc., pois neste caso estariam agredindo, não punindo.
Punição é diferente de castigo. Na punição, a pessoa responsável assume o papel e a responsabilidade de ajudar o desenvolvimento do outro, visando o bem deste, e não o seu próprio bem. A punição não deve ser desencadeada sob controle das emoções pessoais, mas, sim, do comportamento inadequado do outro. O castigo humilha, a punição ensina. A punição é exemplo de amor. Quem pune sofre pelo sofrimento (necessário) que produz no outro.


Características e tipos de pessoas com vibrações índigos:

Humanista: Tem o pensamento sempre voltado para a humanidade. Elas serão os futuros doutores, advogados, professores, vendedores, executivos, políticos e vão servir as massas.
Conceitual: Os índigos Conceituais estão mais para projetos do que para pessoas. As suas contribuições na sociedade serão como engenheiros, arquitetos, projetistas, astronautas, pilotos e oficiais militares. Eles são curiosos e na puberdade querem ser livres para voar.
Artista: Este tipo de Índigo é muito mais sensível e frequentemente menor em tamanho, embora isso não seja uma regra geral. Eles são criativos, gostam de exercer cursos artísticos, curiosos, místicos e fazer pesquisas.
Interdimensional: O Índigo Interdimensional é muito maior do que os demais Índigos, do ponto de vista de estatura. Entre 1 e 2 anos de idade você não pode dizer nada para eles. Eles dizem: "Eu já sei. Eu posso fazer isso. Deixe-me sozinho". Eles serão os que trarão novas filosofias e espiritualidade para o mundo. Podem ser mais valentões porque são muito maiores e também porque não se encaixam no padrão dos outros três tipos.
Na sociedade elas vistas como rebeldes, teimosas, sapecas e prefere uma criança robô.
As pessoas que são consideradas cristais são tranquilas, pacíficas, afetuosos, construtores, líderes natas, sábios, otimistas, prudentes, tolerantes, semeadores de paz, amor e luz, conseguem comunicarem telepaticamente com o Plano físico e Cósmico.
Uma coisa surpreendente é o momento que chama de luz sai das suas mãos do indivíduo que tem vibração cristal no momento que estão realizando cura espiritual e física. Eles costumam transpirar em excesso por causa da temperatura do corpo que sofre alteração.
Antes de um espírito encarnar na Terra ela seleciona um local e a família que preencherá as suas necessidades espirituais de crescimento e evolução.
A criança, por sua vez, responsabiliza-se em ajudar os pais a elevarem a sua consciência através da convivência com uma alma de vibração superior e de mais profunda sabedoria. Este é o caminho natural da evolução, onde o espírito da criança está sempre numa espiral superior de evolução e podendo, portanto, auxiliar os pais a também evoluírem. Mas os pais necessitam estar conscientes desta dádiva.


_______________

Punição: o comportamento emitido se torna menos provável em razão das consequências obtidas.

Punição positiva: diminuem as chances da ocorrência do comportamento em razão da apresentação de um estímulo desagradável. Ex.: somos multados ao dirigirmos em velocidade acima da permitida.

Punição negativa: diminuem as chances da ocorrência do comportamento em razão da retirada de um estímulo agradável. Ex.: o fato de uma mãe proibir a filha de ir a uma festa, em razão de a menina ter desconsiderado o horário combinado de chagada na semana anterior.

1 Tessalonicenses 5.5: todos vós sois filhos da Luz e filhos do dia; nós não somos da noite nem das trevas; 16: Regozijai-vos sempre; 17: Orai sem cessar; 18: Em tudo dai graças, porque esta é a vontade de Deus em Cristo Jesus para convosco; 19: Não extingais o Espírito; 20: Não desprezeis as profecias; 21: Examinai tudo. Retende o bem; 22: Abstende-vos de toda a aparência do mal; 23: E o mesmo Deus de paz vos santifique em tudo; e todo o vosso espírito, e alma, e corpo, sejam plenamente conservados irrepreensíveis para a vinda de nosso Senhor Jesus Cristo.  (1 Tessalonicenses 5:5,16-23).
                
                                                           Autora: Rainna Tammy
Bibliografia

A Aura e os Chakrás: manual do proprietário. Karla Mclaren [org.] - São Paulo: Pensamento crutrix, 1998.

ALVAREZ, Mani. Psicologia transpessoal: a aliança entre a espiritualidade e a ciência. - São Paulo: All Print, 2006 (coleção Tempo Transpessoal).

Do outro lado do caminho. Maucha Land [org.] - 1 ed. São Paulo: Biblioteca 24 horas, 2009.
GOODWIN, C. James. História da psicologia moderna. São Paulo: Cultrix, 2005.

SKINNER, B.F. Ciência e comportamento. São Paulo. Editora da Universidade de São Paulo, 1974.

SLATE, Joe H. Energia da aura: para a saúde, a cura e o equilíbrio. São Paulo: Pensamento, p. 11 - 86.





quarta-feira, 7 de fevereiro de 2018

História dos Òrìsàs para crianças



Selecionei alguns vídeos interessantes para serem aplicados na educação das crianças afro-brasileira e afrodescendentes a fim resgatar desde cedo as suas raízes. A linguagem usada é clara e simples. As histórias dos Òrìsàs que atravessou o oceano e veio para o Brasil conquistando todos os corações.
As crianças vão aprender brincando a história do povo africano e dos deuses yorùbá.














Autora: Rainna Tammy